Notícias e Eventos

COVID-19: Quais são as queixas mais frequentes de quem testou positivo ao “bicho”?

Cansaço extremo, dificuldade de concentração, falta de ar, insónia, dores de cabeça… São algumas das muitas queixas ouvidas nos consultórios médicos vindas de pacientes que tiveram Covid-19.

Já não estão positivos e o vírus já desapareceu, mas a falta de concentração, as dores de cabeça, a ausência de disposição, a baixa resistência física são alguns dos sintomas que se têm proliferado entre os doentes que já tiveram Covid.

Como andam os portugueses que tiveram Covid-19?

Quando infetadas pelo SARS-CoV-2, que causa a COVID-19, muitas pessoas não têm qualquer sintoma. Quando a infeção provoca sintomas, estes resolvem habitualmente num prazo máximo de 4 semanas. Mas, em alguns doentes, há sintomas que persistem mesmo depois da resolução da infeção aguda.

COVID longa ou síndrome pós-COVID, o que é?

A síndrome pós-Covid é identificada quando os sintomas causados pelo Covid se mantêm além das 12 semanas.
Os sintomas mais comuns da síndrome pós-COVID são:

  • Cansaço extremo
  • Fraqueza muscular
  • Dificuldades respiratórias
  • Dor nas articulções

“Não fumo, como bem e sempre pratiquei desporto . Desde que tive Covid que tenho muita dificuldade em treinar. Sinto-me limitado e cansado . A minha resistência diminuiu” – Paciente TrueClinic

“Perco o fôlego facilmente. Sem contar que as dores nas articulações são constantes. Não muito intensas, mas constantes. Estou a fazer há dois meses exercícios de reabilitação respiratória e muscular. “ – Paciente TrueClinic

No entanto muitos outros sintomas podem também manter-se, por exemplo:

  • Dor no peito
  • Alterações do sono
  • Alterações no humor (desânimo)
  • Palpitações

Devem procurar ajuda médica e realizar uma avaliação, bem como os exames necessários para estudar o problema e identificar a causa dos sintomas.

No caso dos sintomas mais comuns e quando há impacto na capacidade física ou de execução das atividades de vida diária, a Medicina Física e de Reabilitação é uma especialidade médica que terá uma intervenção importante na recuperação.

Estes cuidados podem ir desde uma monitorização e cuidados no domicílio até à integração num programa estruturado e individualizado de reabilitação respiratória.

Benefícios da reabilitação pós-COVID

Apesar de a COVID-19 ser uma doença recente, existem já evidências de que a integração dos doentes com síndrome pós-COVID num programa de reabilitação respiratória é benéfica para a sua recuperação funcional. Por esse motivo, temos desenvolvido consultas e programas especializados na reabilitação pós-Covid.

Estes programasmultidisciplinares funcionam com o apoio de várias especialidades médicas.
Mais frequentemente, os tratamentos são compostos por exercícios físicos de reabilitação, habitualmente com 2 a 3 meses de duração, e incluem uma avaliação clínica inicial apoiada em questionários e provas físicas, que são depois comparadas com a avaliação final para aferição dos ganhos objetivos.

É importante manter-se fisicamente ativo para a participação e realização nas várias componentes da vida.

Gostas do conteúdo? Partilhe

Partilhar

Partilhar

Fique por dentro!

Seja avisado sempres que surgir conteúdo novo aqui na TrueClinic
cookie TrueClinic

Esta página utiliza cookies. Ao continuar a navegar nesta página o utilizador concorda com a utilização de cookies. Poderá eliminar ou bloquear os cookies alterando a configuração no seu navegador de internet. Para mais informações consulte a nossa​ Política de Privacidade.